O universo nano ao seu alcance

jun 19

Especial nanoflores: Belos cristais que se assemelham a belas flores!

      Cristais em tamanho macroscópico podem não parecer nada com flores. Mas é uma questão de perspectiva. Wim Noorduin inventou uma maneira de construir nanocrocristais que, quando vistos através de um microscópio eletrônico, se assemelham a flores de íris, violetas e  cravos.
      Os nanocristais foram produzidos em uma solução salina tratada com dióxido de carbono.
   "Nós estávamos interessados ​​em fazer estruturas de auto-montagem espontâneas", diz Noorduin. "Nós queríamos fazer várias formas de um jeito forma controlável, utilizando processos físico-químicos de maneira muito simples."
    Para cultivar nanocristais, você deve escolher o substrato e adicionar o precipitado. Depois disso, eles simplesmente crescem. Mas Noorduin foi capaz de criar uma forma de interferir nesse processo. Ele descobriu que através da variação da acidez e concentrações dos reagentes químicos, podia alterar a forma dos cristais resultantes. Alterando a acidez da solução faz os cristais se aglutinarem em uma haste, como forma fina. Como o aumento de concentração de CO2, eles crescem mais amplos e mais planos, mais como um violeta.
 A ideia de Noordin é utilizar esses nanocristais na construção de componentes ópticos e microscópicos eletrônicos.
   Veja as belas imagens das "nanoflores":
 
 

Olhar Nano